terça-feira, 24 de novembro de 2015

Lâmpada de gelo - Newton gostava de ler

No Dia Nacional da Cultura Cientifica – 24 de novembro – teve lugar na Biblioteca Escolar mais um encontro do projeto “Newton gostava de ler”. A sessão, sob o tema “Lâmpada de gelo”, começou, como habitualmente acontece, com a leitura de excertos de uma obra, desta feita, Os Mistérios de Casimirode António Pocinho. Casimiro é um rapaz para quem tudo é um mistério, pondo tudo em causa, desde a sua própria existência a tudo aquilo que o rodeia.

“A Camila gostava de ser casada com um agente secreto, e eu disse que sim, que até ia para agente secreto se fosse preciso. Só que ela disse que não queria casar comigo, que eu era pouco prático. Disse-lhe então que sabia arranjar candeeiros e fichas e vai daí ela pediu-me para ir a casa dela arranjar um candeeiro. Não pude recusar. Apesar de não saber, já tinha visto filmes de bombas-de-relógio, e supus que arranjar um candeeiro fosse como desativar uma bomba-de-relógio. Corta-se o fio vermelho… ou será o amarelo?... se calhar é o preto… já não me lembro… bom, só espero que o candeeiro não expluda.”

Lido este último excerto, passámos à realização da experiência científica: a construção de uma lâmpada de gelo. Com a ajuda de fios elétricos, duas pilhas (de 1,5 V cada) e um LED, construímos um circuito elétrico. Introduzimos o LED dentro de um balão, que enchemos com água e colocamos no congelador. Enquanto as professoras de Física e Química transmitiam alguns conhecimentos sobre LED e circuitos elétricos, chegámos a um surpreendente resultado: FEZ-SE LUZ!






Sem comentários: